quarta-feira, 23 de março de 2011

Dia Mundial da Água


A água faz parte do patrimônio do Planeta. Cada continente, cada povo, cada nação, cada região, cada cidade, cada cidadão é plenamente responsável aos olhos de todos. 

Assim começa a " Declaração dos Direitos da Água ", documento elaborado pela ONU em 22 de março de 1992 e que acabou instituindo a data como o Dia Mundial da Água. A partir daí, todos os anos, este dia  é destinado a discussão sobre diversos temas relacionadas a este maravilhoso presente da natureza.


O acesso à água é um direito de todos, mas muitas pessoas em varias partes do mundo sofrem com a sua escassez. O consumo de  água imprópria é uma das principais causas de doenças que levam a morte  nas populações mais pobres de todo o planeta.


Mas é  no dia a dia, em nossa casa, que começamos a dar exemplos de como criar hábitos saudáveis e responsáveis com com relação a este bem tão precioso, observando o uso cotidiano da água através das torneiras, chuveiros e descargas de vaso sanitário e até da água que ingerimos. Todos somos responsáveis. 


Em nossa higiene diária, quando tomamos banho, lavamos as mãos antes das refeições ou escovamos os dentes.  Quando lavamos frutas, legumes e verduras.  Nas tarefas domésticas, como lavar louças, roupas e  limpar o chão.  Até mesmo em nossas horas de lazer, quando nos refrescamos na piscina  e  também quando a usamos para beber, estamos dando exemplos para a criação destes bons hábitos e pela prática de boas maneiras.


A escola também deve ajudar na construção de  valores básicos  para formar em nossas crianças uma consciência cidadã.  

“ Nossa geração tem de aprender a ser solidária com a gerações que nos seguem e seguirão. Tem que aprender a amar o invisível, os filhos e netos que ainda não nasceram “ disse Leonardo Boff.

Assim teremos uma chance de  criar cidadãos sadios, éticos  e responsáveis quanto à preservação e o desenvolvimento sustentável do planeta em que vivemos

domingo, 20 de março de 2011

Blogueira de Valor

Ontem li um artigo no jornal O Globo sobre blogueiras que fazem sucesso. Senti uma pontinha de inveja, aliás um pontão, muuuita inveja. Brincadeira, claro.
Inveja não do sucesso das meninas, realmente " blogueiras de valor " , mas da intimidade que têm com a internet, pelo uso de uma linguagem jovem, atual e acessível, pelo empenho.
Ai, ai, ai ..., não consigo postar nem uma vez por semana ... :-(
Quero falar  mais ao ouvido das pessoas, vender melhor o meu peixe, me espalhar pelas redes sociais e fincar minha bandeira.Ufa!
Quero dar uma mãozinha pro pessoal pensar mais e melhor sobre as boas maneiras. Realmente este é um sonho que tenho. E afinal, pode até ser assim, um trabalho de formiguinha.
Espero fazer deste blog uma atividade divertida, pra mim e pra vocês, mas ao mesmo tempo tratando do assunto de maneira responsável. É o meu desejo.
Boa semana.