domingo, 4 de setembro de 2011

Regras importantes quando utilizar o seu e mail

Cada ambiente tem o seu sistema, os seus procedimentos e a Internet é um meio social como qualquer outro e como tal requer aprendizado e observação.

Um de seus serviços é o correio eletrônico, uma maneira análoga ao envio de cartas, que nos permite compor, enviar e receber mensagens.

Assim, ao encaminhar suas mensagens, deixe somente o título, retire do assunto os "En", "Enc", "Fwd", "Re", Res", é como se tivesse utilizado um envelope todo rabiscado e amassado, que já foi usado por vários remetentes. Além de deselegante, repassar mensagens assim obriga o seu destinatário a abrir vários anexos antes de chegar ao que realmente interessa, como uma carta escrita num papel de pão, sem nenhum capricho e consideração.
Envie a mensagem original, ou seja, a que realmente contém o anexo ou o texto desejado. Apague os endereços eletrônicos pelos quais a mensagem já passou, antes de reencaminhar.
Fazendo isso, não aparecerão e portanto não cairão nas mãos de spammers, que mandam e-mails que você não solicitou e não sabe, sequer, de onde vieram.

Quando for mandar uma mensagem para mais de uma pessoa, não use o "Para" nem o "Cc" ( com cópia ), a não ser que haja necessidade. Envie com o "Cco" ( com cópia oculta ),o destinatário vai recebê-la, mas não terá acesso ao endereço dos demais.

Muito cuidado ao repassar listas e e-mails de abaixo-assinado, que a cada envio um vai assinando, colocando seus endereços eletrônicos e dados pessoais. Podem ser apenas meios de obterem endereços eletrônicos e facilmente serem utilizados por pessoas mal intencionadas.

Se você usa o Outlook, aprenda a configurá-lo e deixar os textos sem os >>>>> quando redirecionamos uma mensagem. Desabilite essa função em: (Ferramentas / Opções / Enviar / Formato para envio de Mensagens / Configurações de texto sem formatação) e desabilite o recuo >>.
Antes de dar o OK final clique em "aplicar". Pronto!

Muito cuidado com anexos de extensão “.exe”, “ .bat “, “ .scr “. Só abra esse arquivo se a pessoa que o mandou for de sua inteira confiança, mesmo assim confirme se foi essa pessoa mesmo que lhe mandou este arquivo.Frequentemente contém vírus que podem infectar seu computador. É mais uma ameaça. Delete-os mesmo que o assunto da pareça ser interessantíssimo.
O mesmo acontece com mensagens que pedem “clique aqui” e você verá fotos, vídeos, irá para o “site” tal que é muito legal ou que promete que você irá ganhar isto ou aquilo. Verifique sempre na barra inferior do Windows se o endereço do link corresponde ao da mensagem. Bancos, Receita Federal, Serasa e a quase totalidade de empresas sérias não enviam e-mails não solicitados.

Não acredite em tudo o que você lê.Observe o texto, reflita, analise tudo isto antes de repassá-los.

E finalmente, não vai acontecer nada de ruim a você se " quebrar " uma corrente.






terça-feira, 7 de junho de 2011

As calçadas não tem dono

Hoje, voltando para casa, passei pela frente do prédio do meu antigo colégio, o Imaculada Conceição e notei que estavam colocando grades na fachada, aquelas grades que agora existem em vários edifícios para a proteção ( ??? ). Notei também que, talvez por conta de orçamento baixo, elas não eram de alumínio e sim de ferro. O serralheiro, todo compenetrado em seu trabalho, pintando para ficar tudo bonitinho. Olhei para a grade do vizinho e reparei que já estava toda carcomida na parte de baixo assim como a maioria das que vejo pelas ruas.
E por que?
Muitos donos de cachorros fazem das ruas terra de ninguém. Cães enormes, gordos, coitados, sujeitados à loucura de seus donos, vivendo em apartamentos quando deveriam ter bastante espaço para se movimentar. Cachorrinhos pequenos, pequenos tiranos que fazem o que querem de seus donos, inclusive de algumas senhorinhas e senhorzinhos idosos que não têm condições de abaixar para recolher o seu cocô.
Será que em suas próprias casas estes mesmos donos permitem que seus cães façam o seu xixizinho nos pés das cadeiras, das mesas ou nos estofados? Que andam pelos aposentos se desviando do cocô ou como não raro de acontecer, pisando em cima dele emporcalhando calçados e pisos.
Então por que não tratar o patrimônio alheio com o mesmo cuidado, como se fosse seu?
Infelizmente, sei que estou sendo injusta com os que catam as matérias fecais de seus "tuti-tutis " mas a urina também é um horror!
Já sentiram o cheiro nojento que exala das ruas quando cai uma pequena chuva? Como a água que cai não é suficiente para lavar as calçadas, a urina seca e rançosa toma conta do ar.Sem falar do risco provocado pelo sabão em pó, colocado pelos porteiros nos cantos e nas bases das grades e fachadas, na tentativa de espantar os cachorros e seus donos mijões, que ao se dissolver provoca a queda das pessoas.
Enfim, comportamentos lamentáveis.
Vamos pensar um pouco nisto.

quinta-feira, 2 de junho de 2011

Uma hora delicada

Esta semana duas amigas perderam pessoas muito queridas, uma a mãe e outra o pai.
E como é comum nestas situações, as vezes nos faltam palavras para expressar nossos sentimentos.
Por isso achei o assunto conveniente embora a gente não goste muito de falar sobre a morte.Mas muitas pessoas ficam em dúvida sobre como se comportar nesta ocasião.
A regra é principalmente ser discreto e não se impor.
Ao velório e ao sepultamento devem comparecer somente os familiares, amigos e colegas de trabalho mais próximos. Ao chegar, assinar o livro de presenças, colocando o nome bem legível, assim como o telefone ou endereço para que a família entre em contato depois para agradecer aos que lhes deram apoio nessa ocasião.
Não se detenha em cumprimentos demorados com os parentes. Um simples " Meus sentimentos" ou "Meus pêsames" é suficiente e de forma alguma, fique recordando passagens da vida do falecido.
Quando não se tem intimidade com o falecido ou com a família, o melhor é enviar um telegrama de condolências.
Aqueles que mantinham relacionamento mais distante com o falecido ou com a família devem ir somente à missa de sétimo dia.
O traje deve ser discreto e sóbrio, abrindo mão de qualquer detalhe mais chamativo na aparência.

sábado, 21 de maio de 2011

Ser elegante é tudo de bom!

Uma frase para o dia. Bom fim de semana!
" Elegância é a arte de não se fazer notar aliada ao cuidado sutil de se deixar distinguir."

Paul Valéry - poeta francês

quarta-feira, 23 de março de 2011

Dia Mundial da Água


A água faz parte do patrimônio do Planeta. Cada continente, cada povo, cada nação, cada região, cada cidade, cada cidadão é plenamente responsável aos olhos de todos. 

Assim começa a " Declaração dos Direitos da Água ", documento elaborado pela ONU em 22 de março de 1992 e que acabou instituindo a data como o Dia Mundial da Água. A partir daí, todos os anos, este dia  é destinado a discussão sobre diversos temas relacionadas a este maravilhoso presente da natureza.


O acesso à água é um direito de todos, mas muitas pessoas em varias partes do mundo sofrem com a sua escassez. O consumo de  água imprópria é uma das principais causas de doenças que levam a morte  nas populações mais pobres de todo o planeta.


Mas é  no dia a dia, em nossa casa, que começamos a dar exemplos de como criar hábitos saudáveis e responsáveis com com relação a este bem tão precioso, observando o uso cotidiano da água através das torneiras, chuveiros e descargas de vaso sanitário e até da água que ingerimos. Todos somos responsáveis. 


Em nossa higiene diária, quando tomamos banho, lavamos as mãos antes das refeições ou escovamos os dentes.  Quando lavamos frutas, legumes e verduras.  Nas tarefas domésticas, como lavar louças, roupas e  limpar o chão.  Até mesmo em nossas horas de lazer, quando nos refrescamos na piscina  e  também quando a usamos para beber, estamos dando exemplos para a criação destes bons hábitos e pela prática de boas maneiras.


A escola também deve ajudar na construção de  valores básicos  para formar em nossas crianças uma consciência cidadã.  

“ Nossa geração tem de aprender a ser solidária com a gerações que nos seguem e seguirão. Tem que aprender a amar o invisível, os filhos e netos que ainda não nasceram “ disse Leonardo Boff.

Assim teremos uma chance de  criar cidadãos sadios, éticos  e responsáveis quanto à preservação e o desenvolvimento sustentável do planeta em que vivemos

domingo, 20 de março de 2011

Blogueira de Valor

Ontem li um artigo no jornal O Globo sobre blogueiras que fazem sucesso. Senti uma pontinha de inveja, aliás um pontão, muuuita inveja. Brincadeira, claro.
Inveja não do sucesso das meninas, realmente " blogueiras de valor " , mas da intimidade que têm com a internet, pelo uso de uma linguagem jovem, atual e acessível, pelo empenho.
Ai, ai, ai ..., não consigo postar nem uma vez por semana ... :-(
Quero falar  mais ao ouvido das pessoas, vender melhor o meu peixe, me espalhar pelas redes sociais e fincar minha bandeira.Ufa!
Quero dar uma mãozinha pro pessoal pensar mais e melhor sobre as boas maneiras. Realmente este é um sonho que tenho. E afinal, pode até ser assim, um trabalho de formiguinha.
Espero fazer deste blog uma atividade divertida, pra mim e pra vocês, mas ao mesmo tempo tratando do assunto de maneira responsável. É o meu desejo.
Boa semana.