sábado, 8 de março de 2014

Dia Internacional da Mulher, um dia para ser celebrado. Mostre os seu sinais

" Chega um tempo em que toda mulher passa a ser senhora da própria beleza.
Não é mais uma beleza ingênua ou atrevida. É a beleza segura e misteriosa de quem se admira. A beleza envolvente de quem se deixa admirar.
Olhe o seu sorriso espontâneo, o brilho do seu olhar, a sua pele radiante.
Em tudo, mais do que o tempo, essa mulher mostra os belos sinais da vida bem celebrada.
Porque o tempo não é a mesma coisa que a vida.
A alegria, a experiência, a intensidade de cada pequeno gesto não contam no tempo.

Mas contam para a vida. "


segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

Tirei dos meus alfarrábios. Desconheço a autoria, mas é bacaninha e super atual!

A ELEGÂNCIA DO COMPORTAMENTO
" Existe uma coisa difícil de ser ensinada e que, talvez por isso, esteja cada vez mais rara: a elegância do comportamento.É um dom que vai muito além do uso correto dos talheres e que abrange bem mais do que dizer um simples obrigada diante de uma gentileza.É a elegância que nos acompanha da primeira hora da manhã até a hora de dormir e que se manifesta nas situações mais prosaicas, quando não há festa alguma nem fotógrafos por perto. É uma elegância desobrigada. É possível detectá-la nas pessoas que elogiam mais do que criticam. Nas pessoas que escutam mais do que falam. E quando falam, passam longe da fofoca, das maldades ampliadas no boca a boca.
É possível detectá-las nas pessoas que não usam um tom superior de voz.Nas pessoas que evitam assuntos constrangedores porque não sentem prazer em humilhar os outros.É possível detectá-la em pessoas pontuais.Elegante é quem demonstra interesse por assuntos que desconhece, é quem cumpre o que promete e, ao receber uma ligação, não recomenda à secretária que pergunte antes quem está falando e só depois manda dizer se está ou não está.É elegante não ficar espaçoso demais.É elegante não mudar seu estilo apenas para se adaptar ao de outro. É muito elegante não falar de dinheiro em bate-papos informais. É elegante retribuir carinho e solidariedade. Sobrenome, jóias, e nariz empinado não substituem a elegância do gesto.
Não há livro que ensine alguém a ter uma visão generosa do mundo, a estar nele de uma forma não arrogante.Pode-se tentar capturar esta delicadeza natural através da observação, mas tentar imitá-la é improdutivo.

Educação enferruja por falta de uso. "

sexta-feira, 12 de outubro de 2012


Espontaneidade não significa falta de educação, por isso, ensine seus filhos a se comportar em sociedade desde cedo.


Etiqueta pode parecer coisa séria e sem graça, mas também é assunto de criança. Ensinar as regras de comportamento em sociedade tem, em alguns aspectos, a mesma função de colocar as crianças num curso de inglês ou computação: este tipo de aprendizado lhes dará ferramentas para poderem conviver melhor no mundo. Não quero dizer que uma criança deva se portar sempre como um adulto - bem educado, claro -  e perder toda a espontaneidade característica da infância. Mas espontaneidade não significa falta de educação, por isso, ensine as crianças a comportar-se em sociedade desde cedo.
O mundo mudou e, até para os adultos, as normas de etiqueta se tornaram muito mais flexíveis. A ideia é transmitir os princípios básicos de civilidade, incutir alguns bons hábitos e, por que não, ensinar as regras de Etiqueta. Fazendo tudo com muito jeito, você deixará as crianças naturalmente bem educadas e serão adultos mais seguros.

sexta-feira, 1 de junho de 2012

Dia Mundial do Sem Tabaco

Esta semana mesmo, almocei com duas amigas muito queridas.Paparicadas pelo atencioso Luan do Mekonk, prestigiando o cardápio do Rio Restaurant Week, passamos horas deliciosas.
Quando Marcela, louca  para fumar saiu, lembramos, eu e Quiva, hoje ex-fumantes, da primeira vez que experimentamos um cigarro.
Foi um Minister,  perigosamente furtado do maço do meu pai. Fumamos na janela do quarto e a Quiva jura que viu uma " mulher de cabeça quadrada ", tamanho deve ter sido o barato daquela primeira tragada.
Mas fumar naquela época era uma questão de atitude, personalidade, charme para as meninas e virilidade para os meninos. Agregava valor!
Hoje o diferencial é outro. Fumar passou a ser incomodo, deselegante e os valores, se podemos chamar assim, associados ao ato de fumar, são os piores possíveis.
Que me desculpem os adolescentes, mas atualmente começar a fumar  é burrice. Além de prejudicial à saúde, o cigarro não é mais elegante e charmoso e, segundo a Medicina, prejudica o desempenho sexual, também deixa as pessoas mal cheirosas e é um hábito que custa caro.
Ufa, se eu ainda fumasse já estaria sem folego!
Mas se você ainda não conseguiu largar este vício, lembre-se de que é responsável pelo ato de fumar, que não pode mais acender um cigarro a qualquer hora ou em qualquer lugar. Na rua, embora no Brasil não haja leis contra isto, considero que fumar é algo super deselegante, principalmente para as mulheres.
Se estiver na casa de alguém em que não tenha cinzeiros a vista o melhor será não fumar. E nem peça um!
Meu encontro com minha amigas foi maravilhoso, demos boas risadas, mas Tabagismo, é coisa séria.
Parei de fumar em 1986 e o Dia Mundial sem Tabaco foi instituído em 1987 pela ONU.
Marcela querida, espero que no próximo 31 de maio você já esteja livre deste mal, não que tenhamos que esperar mais um ano para um novo almoço, né?






sábado, 26 de maio de 2012

Cheias de Charme

Na onda da novela Cheias de Charme da Rede Globo, lembro que a Etiqueta também permeia as relações entre patrões e empregados.
Quando contratamos uma empregada doméstica devemos expor minunciosamente o funcionamento da casa e serviço a fazer; suas obrigações para com o trabalho e seus deveres para consigo mesma orientando-a para que se apresente sempre limpa, uniformizada, se for o caso, e calçada adequadamente.
Ensinar-lhe todas as regras de Etiqueta que regem a casa como atender a porta, ao telefone, servir a mesa, receber visitas e etc
Tratar salário e condições de pagamento - e ser pontual ao fazê-lo. Contratar para determinados serviços e acrescentar outros é abuso de boa fé e dará direito a reclamações.

domingo, 22 de abril de 2012

"Tudo o que fazemos à natureza, fazemos a nós mesmos" David Suzuki

Quem já parou para olhar para o céu à noite, tão cheio de estrelas, tão claro e brilhante? 
Ou observar como ele se rende ao nascer do sol, trazendo um novo dia.
Quantas vezes não percebemos os  magníficos mares e deixamos de ouvir  o som dos riachos, assim como deixamos de notar o por do sol e o brilho de uma  linda noite de luar.
Vamos aproveitar hoje, em que celebramos o Dia da Terra, para agradecer e louvar o nosso belo planeta e que ele ainda possa nos brinde com dias maravilhosos.
 O homem tem que deixar de ser o maior de todos os perigos para o planeta e se conscientizar que " tudo o que fazemos a natureza, fazemos a nós mesmos ".



terça-feira, 27 de março de 2012

Eu e Eu mesma

Resolvi aceitar o conselho de minha filha caçula e escrever também sobre meu dia-a-dia, atribuições e atribulações, enfim qualquer coisa que me venha a cabeça e que eu queira dividir com quem quiser me ouvir, ou melhor, ler aqui no blog. No final do ano passado, me presenteei com um mini gravador digital, tamanha a quantidade de assuntos que me vêm à cabeça e que depois, quando quero discorrer melhor sobre eles perco a minha linha de raciocínio. Sou muito assim, quando vejo algo na rua ou escuto uma notícia no radio ou na TV começo a conversar comigo mesma , mas  falo ou penso(?) muito rápido, não consigo acompanhar a velocidade com que as idéias vão aparecendo com papel e caneta. Aí escrevo cada garrancho que nem eu entendo depois ... Comecei revirando minha papelada, recortes de jornais e revistas, enfim meus alfarrábios, com a desculpa de encontrar um assunto pra começar e ao mesmo tempo colocar em ordem tanta papelada ... Aquelas coisas que a gente vai sempre deixando pra depois. Tento dividir, dar prioridades, e então aquela voz, aquele eu tagarela começa a falar novamente! - " Para, assim não dá.", digo pra mim mesma. Ou eu organizo a bagunça, ou corro pra pegar o gravador, ou pego qualquer pitoco de papel pela frente pra não perder meus preciosos pensamentos e argumentos. Sim, porque são  meus, apesar de ser a outra falando, esta outra sou eu! As vezes gostaria de trocar de lugar com Ela . Ela ou Eu é muito mais rápida, mais ousada, menos comedida, mas igualmente educada. Mas dá pra ser educada sem ser pateta e um meio retardada , né? Costumo dizer que este meu retardamento vem da incredibilidade com que me deparo quando vejo alguém agindo de forma absurda, inadequada ou mal educada. Xiii, já estou fugindo do assunto, desculpa do meu lado espertinho - e preguiçoso - para parar de tentar por em ordem a pequena bagunça, organizada em caixas super bonitinhas, coloridas e empilháveis. De uma coisa tenho certeza, assunto não vai faltar, estou louca para dividir com vocês tudo que venho guardando há muito tempo e pelo menos assim terá valido a pena juntar tanta coisa ...

domingo, 4 de setembro de 2011

Regras importantes quando utilizar o seu e mail

Cada ambiente tem o seu sistema, os seus procedimentos e a Internet é um meio social como qualquer outro e como tal requer aprendizado e observação.

Um de seus serviços é o correio eletrônico, uma maneira análoga ao envio de cartas, que nos permite compor, enviar e receber mensagens.

Assim, ao encaminhar suas mensagens, deixe somente o título, retire do assunto os "En", "Enc", "Fwd", "Re", Res", é como se tivesse utilizado um envelope todo rabiscado e amassado, que já foi usado por vários remetentes. Além de deselegante, repassar mensagens assim obriga o seu destinatário a abrir vários anexos antes de chegar ao que realmente interessa, como uma carta escrita num papel de pão, sem nenhum capricho e consideração.
Envie a mensagem original, ou seja, a que realmente contém o anexo ou o texto desejado. Apague os endereços eletrônicos pelos quais a mensagem já passou, antes de reencaminhar.
Fazendo isso, não aparecerão e portanto não cairão nas mãos de spammers, que mandam e-mails que você não solicitou e não sabe, sequer, de onde vieram.

Quando for mandar uma mensagem para mais de uma pessoa, não use o "Para" nem o "Cc" ( com cópia ), a não ser que haja necessidade. Envie com o "Cco" ( com cópia oculta ),o destinatário vai recebê-la, mas não terá acesso ao endereço dos demais.

Muito cuidado ao repassar listas e e-mails de abaixo-assinado, que a cada envio um vai assinando, colocando seus endereços eletrônicos e dados pessoais. Podem ser apenas meios de obterem endereços eletrônicos e facilmente serem utilizados por pessoas mal intencionadas.

Se você usa o Outlook, aprenda a configurá-lo e deixar os textos sem os >>>>> quando redirecionamos uma mensagem. Desabilite essa função em: (Ferramentas / Opções / Enviar / Formato para envio de Mensagens / Configurações de texto sem formatação) e desabilite o recuo >>.
Antes de dar o OK final clique em "aplicar". Pronto!

Muito cuidado com anexos de extensão “.exe”, “ .bat “, “ .scr “. Só abra esse arquivo se a pessoa que o mandou for de sua inteira confiança, mesmo assim confirme se foi essa pessoa mesmo que lhe mandou este arquivo.Frequentemente contém vírus que podem infectar seu computador. É mais uma ameaça. Delete-os mesmo que o assunto da pareça ser interessantíssimo.
O mesmo acontece com mensagens que pedem “clique aqui” e você verá fotos, vídeos, irá para o “site” tal que é muito legal ou que promete que você irá ganhar isto ou aquilo. Verifique sempre na barra inferior do Windows se o endereço do link corresponde ao da mensagem. Bancos, Receita Federal, Serasa e a quase totalidade de empresas sérias não enviam e-mails não solicitados.

Não acredite em tudo o que você lê.Observe o texto, reflita, analise tudo isto antes de repassá-los.

E finalmente, não vai acontecer nada de ruim a você se " quebrar " uma corrente.






terça-feira, 7 de junho de 2011

As calçadas não tem dono

Hoje, voltando para casa, passei pela frente do prédio do meu antigo colégio, o Imaculada Conceição e notei que estavam colocando grades na fachada, aquelas grades que agora existem em vários edifícios para a proteção ( ??? ). Notei também que, talvez por conta de orçamento baixo, elas não eram de alumínio e sim de ferro. O serralheiro, todo compenetrado em seu trabalho, pintando para ficar tudo bonitinho. Olhei para a grade do vizinho e reparei que já estava toda carcomida na parte de baixo assim como a maioria das que vejo pelas ruas.
E por que?
Muitos donos de cachorros fazem das ruas terra de ninguém. Cães enormes, gordos, coitados, sujeitados à loucura de seus donos, vivendo em apartamentos quando deveriam ter bastante espaço para se movimentar. Cachorrinhos pequenos, pequenos tiranos que fazem o que querem de seus donos, inclusive de algumas senhorinhas e senhorzinhos idosos que não têm condições de abaixar para recolher o seu cocô.
Será que em suas próprias casas estes mesmos donos permitem que seus cães façam o seu xixizinho nos pés das cadeiras, das mesas ou nos estofados? Que andam pelos aposentos se desviando do cocô ou como não raro de acontecer, pisando em cima dele emporcalhando calçados e pisos.
Então por que não tratar o patrimônio alheio com o mesmo cuidado, como se fosse seu?
Infelizmente, sei que estou sendo injusta com os que catam as matérias fecais de seus "tuti-tutis " mas a urina também é um horror!
Já sentiram o cheiro nojento que exala das ruas quando cai uma pequena chuva? Como a água que cai não é suficiente para lavar as calçadas, a urina seca e rançosa toma conta do ar.Sem falar do risco provocado pelo sabão em pó, colocado pelos porteiros nos cantos e nas bases das grades e fachadas, na tentativa de espantar os cachorros e seus donos mijões, que ao se dissolver provoca a queda das pessoas.
Enfim, comportamentos lamentáveis.
Vamos pensar um pouco nisto.

quinta-feira, 2 de junho de 2011

Uma hora delicada

Esta semana duas amigas perderam pessoas muito queridas, uma a mãe e outra o pai.
E como é comum nestas situações, as vezes nos faltam palavras para expressar nossos sentimentos.
Por isso achei o assunto conveniente embora a gente não goste muito de falar sobre a morte.Mas muitas pessoas ficam em dúvida sobre como se comportar nesta ocasião.
A regra é principalmente ser discreto e não se impor.
Ao velório e ao sepultamento devem comparecer somente os familiares, amigos e colegas de trabalho mais próximos. Ao chegar, assinar o livro de presenças, colocando o nome bem legível, assim como o telefone ou endereço para que a família entre em contato depois para agradecer aos que lhes deram apoio nessa ocasião.
Não se detenha em cumprimentos demorados com os parentes. Um simples " Meus sentimentos" ou "Meus pêsames" é suficiente e de forma alguma, fique recordando passagens da vida do falecido.
Quando não se tem intimidade com o falecido ou com a família, o melhor é enviar um telegrama de condolências.
Aqueles que mantinham relacionamento mais distante com o falecido ou com a família devem ir somente à missa de sétimo dia.
O traje deve ser discreto e sóbrio, abrindo mão de qualquer detalhe mais chamativo na aparência.